Seguidores

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011


Camões poetizou bem ao dizer que é fogo que arde sem se ver.
Gabriel Marcel intuiu maravilhosamente ao filosofar,
que só o amor é capaz de nos resgatar da morte.
Adélia Prado, maternalmente nos revela,
que tudo aquilo que a memória amou já ficou eterno…

(Padre Fabio de Melo)